Comissão missionária se reúne pela primeira vez

Despertar a consciência missionária na Igreja do estado de São Paulo é o objetivo da Comissão do Regional Sul 1, afirma Bispo referencial da Ação Missionária.

Por Renato Papis

“Nós queremos despertar uma consciência missionária na Igreja no Regional Sul 1, da CNBB, procurando uma autêntico espírito missionário, de uma ‘Igreja em saída’, para uma Missão Ad Gentes” (aos povos). Assim declarou Dom José Luiz Bertanha, Bispo de Registro, SP, e presidente da Comissão para a Ação Missionária e cooperação intereclesial do Regional Sul 1 da CNBB, durante a reunião realizada no dia 24 de julho, na sede da Obra do Cenáculo Missionário (OCM), em São Paulo (SP).

comire1A Comissão que foi escolhida em maio, pelo Conselho Missionário Regional (Comire) da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), do Regional Sul 1, reuniu-se pela primeira vez, com o objetivo de refletir sobre suas atribuições e definir as ações que estão sendo implementadas dentro de uma perspectiva da Missão Ad Gentes, de enviar missionários à África, na Diocese de Pemba, Moçambique, respondendo o apelo do Bispo brasileiro daquela diocese, Dom Luiz Fernando Lisboa.

Dentro desse contexto, foi apresentado o objetivo geral e os quatro objetivos específicos do Projeto para aquela região, informou o padre Everton Aparecido da Silva. O objetivo do Projeto, aprovado na reunião, é: “em comunhão com as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (2015 – 2019), evangelizar com alegria e ser uma Igreja discípula, missionária e misericordiosa, na força do Espírito Santo, iluminada pela Palavra, alimentada pela Eucaristia, entre os pobres, para a vida do mundo, colocando-se em estado permanente de missão, visando uma Igreja em saída na reciprocidade e gratuidade”.

Assim sendo, os quatro objetivos específicos são: “despertar a consciência missionária da Igreja no Regional Sul 1, procurando um autêntico espírito missionário a partir da oração, do apoio econômico e do acompanhamento da Missão Ad Gentes; sensibilizar as comunidades, pastorais, movimentos eclesiais, associações e outros organismos do Regional Sul 1 para que se coloquem em estado permanente de missão, evitando o fechamento em si mesmo e amadurecendo para uma Igreja em saída; preparar e enviar missionários do Regional Sul 1 para que sejam presença e testemunho na Diocese de Pemba, a partir da santidade de suas vidas; Assumir uma paróquia na Diocese de Pemba, no distrito de Chiure e uma escola de formação de líderes no centro pastoral do distrito de Metoro, através de uma equipe missionária (padres, religiosos e leigos) a serviço da missão.

A Comissão também recebeu a notícia de dom Pedro Luiz Stringhini, bispo de Mogi das Cruzes, SP, e vice-presidente do Regional Sul 1 da CNBB que comunicou que os frades da Fraternidade Missionária “O Caminho” (Fraternidade dos Pobres de Jesus), estão prontos para ajudarem no trabalho de evangelização da Igreja na África, na Diocese de Pemba, Moçambique.

Haverá uma próxima reunião no próximo dia 16 de agosto, às 10h, na sede do Regional, com a presença de Dom Luiz Fernando, a fim de se conhecer melhor a realidade daquela diocese. E na manhã do dia seguinte (17), Dom Luiz terá um encontro com os Bispos do Conselho Episcopal Regional (Conser), também na sede do Regional.

Segundo dom Bertanha, as reflexões feitas durante a Reunião serão levadas também para a próxima Assembleia das Igrejas Particulares que acontecerá nos dias 20 a 22 de outubro próximo em Itaici, SP.

Fonte: CNBB Sul 1

Deixe uma resposta

18 − 12 =