Conclusão da Etapa Continental do Sínodo 2021-2024: Uma experiência inédita na história da Igreja

Por Redação

A Etapa Continental do Sínodo 2021-2024, uma experiência sem precedentes na história da Igreja, chegou ao fim em 31 de março. O coordenador da Etapa Continental foi Mauricio López, que agradeceu ao Cardeal Grech pela confiança em realizá-lo, e disse que o que mais o tocou foi que foi um convite para tecer juntos, para partir para uma experiência sem precedentes.

Ele afirmou que houve uma avaliação muito positiva da Assembleia Eclesial da América Latina e do Caribe, com uma escuta extensa e poderosa. Ele sublinhou a impossibilidade de não se ligar à experiência do Sínodo Amazônico, que abriu um modelo de escuta tão amplo quanto possível, com a participação diversificada do povo de Deus nos processos sinodais.

mauricio-lopes-2

Mauricio destacou a importância da espiritualidade dos Exercícios de Santo Inácio na abordagem da Etapa Continental, que para ele como coordenador do grupo de trabalho, tem sido uma experiência de acompanhamento espiritual. Ele disse que isso envolveu muitos desafios, principalmente no início, onde havia uma certa objeção e receio em relação ao processo em alguns lugares.

Ele agradeceu aos membros da comissão pelo apoio, especialmente Susan Pascoe, padre Giacomo Costa, cardeal Grech e dois jovens colaboradores, Maike Sieben e Pedro Paulo Weizenmann.

Leia texto na íntegra

Com informações de VaticanNews
TagsIgreja

Deixe uma resposta

5 × 3 =