A Igreja alemã recorda a queda do Muro de Berlim

Zenit

Dias 8 e 9 de novembro recorda-se os 25 anos da queda do Muro de Berlim, em 1989. Para comemorar o momento histórico, a Igreja Católica alemã realizará em Berlim uma conferência intitulada "Um estímulo para respirar com ambos os pulmões", inspirada pela imagem de João Paulo II.

O encontro, a ser realizado em 08 de novembro - informa a agência de notícias SIR - será dividido em três painéis: "A queda do Muro de Berlim e suas consequências", "O fim do comunismo. Começo do quê?" e "Experiências europeias e perspectivas 25 anos após a queda do Muro. Igreja na Europa". Em 9 de novembro, haverá um concerto na Catedral de Santa Edwiges.

Entre os outros participantes estará presente o Cardeal Reinhard Marx, presidente da Conferência Episcopal Alemã, o cardeal Karl Lehmann, bispo de Mainz, o embaixador polonês na Alemanha, Jerzy Marganski e o ministro das finanças o alemão, Wolfgang Schäuble.

Além das iniciativas da DBK, as várias dioceses alemãs lançaram iniciativas para comemorar o evento. A diocese de Münster, por exemplo, vai oferecer a todos os fiéis a oportunidade de publicar no site "kirchensite.de" o próprio testemunho de como viveram os dias de 1989. Em Frankfurt, que pertence à diocese de Limburg, foi organizado por Renovabis a exposição fotográfica "25 anos, 25 cabeças", que narra as atividades de alemães católicos em favor dos povos do leste europeu. Em Hamburgo será inaugurado no dia 08 de novembro, a exposição "Católicos na Ddr", que narra a vida dos 25% de alemães da ex República Democrática que desafiaram o regime comunista.

Fonte: www.zenit.org

Deixe uma resposta

12 − 5 =