Hackers jihadistas do Estado Islâmico sabotam o site de uma paróquia sírio-católica

As nossas igrejas permanecem santas, e nós permaneceremos fiéis para sempre, rezando de joelhos

Por Agência Fides

O site da igreja sírio-católica de Sidney, intitulada a Nossa Senhora da Misericórdia, foi alvo de um ataque de hackers ligados ao Estado Islâmico (Daesh), que inseriram no portal um vídeo com decapitações e execuções sumárias realizadas por decapitadores jihadistas, junto a uma proclamação em que se exalta a guerra santa contra os infiéis “até a conquista de Roma”. A paróquia é frequentada por fiéis sírio-católicos originários da Síria e do Iraque, e num passado recente promoveu iniciativas de acolhimento e assistência para os refugiados que fugiram de zonas de guerra do Oriente Médio. O ataque provocou choque e amargura entre os fiéis da comunidade paroquial, que no entanto responderam de maneira enérgica à intimidação atroz. “Qualquer coisa aconteça”, se lê na página da paróquia no facebook, “as nossas igrejas permanecem santas, e nós permaneceremos fiéis para sempre, rezando de joelhos”.

Fonte: fides.org

Deixe uma resposta

treze − 4 =