Dia 23 de julho, Terceiro Dia Mundial dos Avós e dos Idosos

Santa Missa em São Pedro presidida pelo Papa Francisco, com o mandato dos idosos aos jovens da JMJ, e as iniciativas no mundo para celebrar o Dia.
Por Vatican News

Domingo, 23 de julho, celebra-se o Terceiro Dia Mundial dos Avós e dos Idosos, que este ano tem como tema “«De geração em geração, a sua misericórdia»” (Lc 1, 50).

 

Em Roma, o cerne da celebração será a Santa Missa, presidida pelo Papa Francisco às 10h na Basílica de São Pedro.

Mais de 6000 pessoas participarão da missa, entre os quais muitos idosos oriundos de toda a Itália: avós acompanhados pelos netos e famílias, idosos convidados de casas de repouso e residências de saúde, bem como muitas pessoas idosas envolvidos na vida paroquial, diocesana e associativa.

No final da celebração, cinco idosos– representando os cinco continentes - entregarão simbolicamente a Cruz do Peregrino da JMJ a cinco jovens que partem para Lisboa, significando a transmissão da fé de geração em geração. O gesto de envio pretende representar também o compromisso que os idosos e avós assumiram, a convite do Santo Padre, de rezar pelos jovens que partem e acompanhá-los com a sua bênção.

A Diocese de Roma entregará a todos os participantes da celebração em São Pedro a oração pelo Terceiro Dia Mundial e a mensagem do Papa Francisco aos avós e aos idosos.

O Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida reitera o convite a celebrar o Dia Mundial dos Avós e dos Idosos em todas as dioceses do mundo através de uma missa dedicada a eles e da visita aos idosos sozinhos. Aqueles que realizam esses gestos recebem uma indulgência plenária.

Nesse sentido, dois exemplos de comemorações, das muitas que se realizarão no mundo, são o da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, que celebrará uma missa com os idosos no Santuário de Aparecida (https://www.cnbb.org.br/3a-jornada-mundial-dos-avos-e-dos-idosos/ ) e o da Conferência Episcopal do Canadá, que lançou um vídeo para convidar os jovens a visitar os idosos em casas de repouso.

O Comitê Organizador Local da JMJ de Lisboa associou-se ao convite do Papa Francisco, lançando duas iniciativas: queridosavos.pt para promover uma rede de oração de avós e pessoas idosas para acompanhar os jovens que partem para Lisboa, e um desafio nas redes sociais onde convida todos os jovens a visitar os avós antes da jornada e a tirarem uma fotografia ou a gravarem um vídeo com eles.

Fonte: Vatican News

Deixe uma resposta

2 × quatro =