Grão que morre produz fruto

Paulo Bazaglia *

Jesus atraía a si não somente seus irmãos do judaísmo. A atração que ele exercia também sobre os pagãos era, porém, apenas amostra do que aconteceria quando chegasse sua "hora": "Quando eu for levantado da terra, atrairei todos a mim".

A "hora" de Jesus é a manifestação da glória de Deus, a revelação do projeto divino na entrega definitiva de Jesus na cruz. E, como a glória de Deus é a vida plena do ser humano, Jesus recorda a exigência fundamental para seus seguidores: estar dispostos a perder a própria vida para ganhá-la na eternidade.

Tal como o grão de trigo que morre para produzir muitos frutos, nossa vida ganha sentido e se eterniza somente se for doada até as últimas consequências em favor da vida de outros.

O seguidor de Jesus, portanto, não tem medo, nem sequer medo da morte, pois sabe que a vida que se doa é resgatada e glorificada por Deus.

Jesus ficou perturbado diante do sofrimento e da morte, mas não pediu que o Pai o livrasse da sua "hora". Ele tinha consciência de que fora enviado a este mundo exatamente para entregar sua vida pela vida do mundo.

O Pai não enviou seu Filho ao mundo para condenar, mas para salvar o mundo. No Evangelho de João, Deus nem sequer julga. São as pessoas que invocam sobre si o julgamento, o qual põe às claras o que é reinado de Deus e o que é reinado do "príncipe deste mundo", as forças da injustiça e da morte.

Para ser glorificado, Jesus passou pelo sofrimento e pela morte.

Que também nós sofremos e morreremos é certeza absoluta.

Quando Jesus diz que atrairá todos a si, no entanto, faz-nos pensar que sua morte e ressurreição necessariamente determinam nossos caminhos. Pois, aqui, não se trata somente de sofrer e morrer. Trata-se, mais, dos motivos pelos quais sofremos e das razões pelas quais estamos apostando e gastando nossas vidas.

Se entregamos nossa vida pela mesma causa de Jesus, então, como o Filho de Deus, seremos glorificados e viveremos eternamente.

*Escritor, Mestre em Sagrada Escritura.

Fonte: Paulus/O Domingo

 

Deixe uma resposta

20 − 1 =