4º Encontro de Ecoteologia: Contribuições da Teologia para a superação da violência na Amazônia

A Rede Eclesial Pan-Amazônica (REPAM-Brasil), em parceria com a Comissão Episcopal Especial para a Amazônia e o Regional Norte I da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e a Faculdade Católica do Amazonas, organizam a quarta edição do Encontro de Ecoteologia, que será realizado entre os dias 13 e 15 de setembro em Manaus (AM).  

O encontro pretende dar continuidade a um caminho iniciado em 2017, buscando “refletir sobre questões relacionadas à Encíclica Laudato Si’ do Papa Francisco e aprofundar as reflexões teológicas para qualificar o trabalho de nossas organizações, comunidades e missionários na Amazônia brasileira”.  

A segunda edição foi realizada, em 2021, de modo virtual, “refletindo temas centrais do debate sinodal que inspiram toda a Igreja Católica e igrejas irmãs na busca de novos caminhos para a evangelização”. O terceiro Encontro ocorreu, em 2022, após o Documento Santarém 2022, “refletindo os processos de violência que, em toda a sua pluralidade, se agravaram no mundo, mas principalmente no que diz respeito à destruição da vida no bioma amazônico” e dos povos que ali habitam. 

A próxima edição, que será realizada em 2023, pretende refletir sobre a ecoteologia e ecoespiritualidade a partir do bem viver e do diálogo escutando processos de conflitos e desafios socioambientais que têm impactado a vida do bioma amazônico e dos povos com anúncio de um eco de esperança gerado pelas ricas experiências de envolvimento, resistência, resiliência e enfrentamento às injustiças socioambientais e contra o extrativismo predatório.  

Superação da violência, conflitos e disputas 

Refletir sobre “as contribuições necessárias e estratégicas da teologia para superar as múltiplas violências, conflitos e disputas que ameaçam a Amazônia”, além de desenvolver a teologia biopolítica da não-violência, consolidar o paradigma da ecologia integral, destacar as propostas do Sínodo para a Amazônia e do Documento de Santarém 2022, superar os conflitos e disputas que assolam a Amazônia e aprofundar práticas ecológicas transformadoras são alguns dos objetivos da atividade.  

Participaram da reunião de planejamento, realizada na sexta-feira, 11 de agosto, em Manaus, o Padre Ricardo Castro, Padre Hudson Ribeiro, Irmão Alfonso Murad, professora Marcia María Oliveira e Irmã Maria Irene Lopes. 

A secretaria executiva da REPAM-Brasil e assessora da Comissão para a Amazônia, Maria Irene Lopes, destaca a importância da atividade. “O 4° Encontro de Ecoteologia é um momento muito importante para continuarmos nossas reflexões sobre Ecoteologia na Amazônia”.  

De acordo com o diretor da Faculdade Católica do Amazonas, padre Hudson Ribeiro, o encontro pretende “aproximar-se um pouco mais da realidade local”. O diretor também destacou o apoio do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA), do Programa de Pós-Graduação da Sociedade e Cultura da Amazônia, e outros parceiros como o Serviço Amazônico de Ação, Reflexão e Educação Socioambiental (SARES), paróquias e pessoas que participam da discussão sobre Ecologia Integral e experiências comunitárias. 

*Comunicação REPAM-Brasil com informações de Luiz Miguel Modino/CELAM

Deixe uma resposta

16 − 2 =