Mudança de pároco em Brasília!

Padre Lírio Girardi assume como pároco em Brasília, DF, Paróquia Nossa Senhora Consolata, substituindo padre Emanuele Gavosto, que ficou à frente da paróquia por nove anos.

Por Joseph Onyango Oiye

A Paróquia Nossa Senhora Consolata em Brasília passou mais um final da semana histórico, marcado por emoções como agradecimento e acolhida. Os fiéis paroquianos vivenciaram os dois dias da despedida do padre Emanuele Gavosto, missionário da Consolata de 80 anos da idade que teve a tarefa de pastorear a paróquia por nove anos, e a tomada de posse do padre Lírio Girardi como o novo pároco.

No sábado, dia 20 de fevereiro às 19h, durante a missa da consolação, o padre Gavosto se despediu dos seus paroquianos, amigos e conhecidos em Brasília. Nesta celebração eucarística presidida por ele mesmo e participada por centenas dos fiéis, a emoção de dizer “tchau” a uma pessoa querida se manifestou no rosto de cada um presente.

Na sua fala durante a homilia baseada nas leituras do segundo domingo da Quaresma, o padre Emanuele reconheceu e mostrou um profundo sentimento de gratidão a todos por nove anos da vivência em oração, comunhão e serviços pastorais. “Como os discípulos contemplaram o rosto brilhante de Cristo e desejaram construir as tendas para permaneceram com Ele, Eu também vos falo que encontrei uma casa no meio de vós por estes nove anos, mas como um missionário, tenho que me despedir de vocês”, ele disse.

A comunidade paroquial representada por um dos conselheiros também agradeceu ao padre por seu empenho pastoral, amizade e por uma significativa transformação da paróquia. Como de costume, no dia 20 de cada mês, a missa da consolação é concluída pela bênção solene com a imagem de Nossa Senhora Consolata.

emanLirioSegurando a imagem da Consolata, o padre Gavosto agradeceu a todos dizendo, “Infelizmente, não posso deixar o meu coração em Brasília, mas vou levar todos vocês no meu coração e continuamos rezando um pelo outro”. E por fim, um momento da confraternização e abraços. Não terminou por ai. No dia seguinte, domingo, 21, o padre Lírio Girardi, missionário da Consolata e catarinense de 75 anos tomou posse como o novo pároco.

Na missa solene presidida por dom Sérgio da Rocha, os fiéis testemunharam o momento histórico em que a paróquia recebeu à frente um brasileiro. O bispo primeiramente agradeceu o antecessor e a toda comunidade pelo empenho pastoral e testemunho da fé.

Na sua homilia baseada no Evangelho do dia, o presidente da CNBB e pastor local destacou os três principais temas: a necessidade e o poder da oração na vida cristã e numa comunidade de fiéis testemunhada na vida de Jesus e os três discípulos. Em segundo lugar, o bispo enfatizou o apelo do papa Francisco sobre a Igreja em saída. “Não pensamos somente sobre nós e o nosso conforto, mas também sobre os que mais precisaram do testemunho de Cristo,” disse o bispo. O exemplo da comunhão dos discípulos com Cristo também foi um dos pontos mais destacados pelo pastor local, pedindo a colaboração entre as pastorais, os dirigentes e o clero. Segundo a sua fala, cada membro da comunidade tem a responsabilidade de se preocupar um com o outro e trabalhar em conjunto para o bem do reino de Deus, sempre contemplando o mistério da Cruz.

Por fim, o então pároco, padre Lírio agradeceu a acolhida e o carinho de toda comunidade paroquial, prometendo a doação total a serviço da Igreja e trabalhar por esse apelo de ter uma Igreja em saída. A valorização da palavra de Deus na vida cristã foi evidente quando o novo Pastor manifestou a sua admiração pela primeira e última frase bíblica projetadas na Paróquia (no princípio Deus criou o Céu e a Terra... Vem, Senhor Jesus).

Obrigado padre Emanuelle... Bem-vindo, padre Lírio!

Joseph Onyango Oyie, imc, é diácono em Brasília, DF.

Deixe uma resposta

dois + 2 =