Regional Leste 2 da CNBB avalia caminhada missionária

Todos os batizados são membros do povo de Deus, membros da Igreja peregrina, sinal de povo de Deus na história. Isso compromete a todos na caminhada. Diante de Deus todos são os seus filhos e filhas

Por POM com informações do Comire Leste 2
000 a a comire l2 5

Participantes da 29ª Assembleia do Conselho Missionário Regional (Comire) Leste 2. Fotos: Arquivo POM

O Conselho Missionário Regional (Comire) Leste 2, realizou nos dias 25 a 27 de setembro, a 29ª Assembleia, na Casa de Retiro das Irmãs Sacramentinas em Belo Horizonte (MG). A reunião contou com a participação de 40 representantes de 14 dioceses do Regional.

000 a a comire leste grupo09

Participantes da 29ª Assembleia do Conselho Missionário Regional (Comire) Leste 2. Fotos: Arquivo POM

Participaram membros de Conselhos Missionários Diocesanos (Comidis), Conselhos Missionários de Seminaristas (Comises), Infância e Adolescência Missionária (IAM), Juventude Missionária (JM), Santas Missões Populares (SPM) e religiosos. O Regional Leste 2 compreende os estados de Minas Gerais e Espírito Santo e conta com 32 dioceses.

000 a a l2 sidnie

Padre Sidnei Marco Dornelas (Centro) e participantes.

O assessor da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária, padre Sidnei Marco Dornelas conduziu a reflexão sobre os 50 anos do Decreto Ad Gentes. Também fez referências a outros documentos como a Lumen Gentium, o Documento de Aparecida, Evangelii Gaudium e as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (DGAE). Padre Sidnei destacou que a Igreja se concretiza na história através da Igreja Peregrina, povo de Deus. Este foi um marco no Concílio Vaticano II.

“Todos os batizados são membros do povo de Deus, membros da Igreja peregrina, sinal de povo de Deus na história. Isso compromete a todos na caminhada. Diante de Deus todos são os seus filhos e filhas”, enfatiza padre Sidnei.

000 a a comire l2 8

Diácono Alexandre de Campos Leite, ss.cc.

A presença das lideranças missionárias na Assembleia foi muito apreciada sendo que pela 1ª vez houve representante da diocese de Araçuaí. “Vim como expectativa de aprender o sentido teórico e prático da missão e que já foi superada positivamente, tendo o encontro possibilitado uma compreensão maior das Obras, organismos e conselhos missionários”, relata o diácono Alexandre de Campos Leite, ss.cc. “Nós aprofundamos o tema com os documentos importantes da Igreja e isso me possibilitou entrar em contato mais profundo com a motivação do papa Francisco por ‘uma Igreja em saída’. Agora posso levar para a diocese de Araçuaí um pouco mais sobre o ser missionário que deve perpassar todas as pastorais e não ser mais um grupo dentro da paróquia”, pontuou o diácono.

Eliana Machado, da arquidiocese de Vitória.

A Assembleia foi bastante participativa, com intervenções e testemunhos. Para Eliana Machado, da arquidiocese de Vitória, o encontro foi “um momento de celebrar os 50 anos do Decreto Ad Gentes, pois além da formação, as partilhas e a fraternidade fizeram parte da programação. Para a arquidiocese de Vitória foi esclarecedor quanto à organização, bem como a ajuda para a animação missionária no que diz respeito à formação e articulação na Província de Vitória”, finaliza Eliana.

A programação incluiu trabalhos em grupo por diocese onde os participantes puderam também avaliar a animação, articulação e ação missionaria em suas realidades e elencar prioridades para o próximo ano. O que mais foi enfatizado foi a questão do leigo na missão.

A assembleia terminou no domingo, 27, com as conclusões e encaminhamentos. Como ação concreta foi programado um Congresso Missionário do Regional Leste 2, a realizar-se nos dias 22 a 25 de setembro de 2016, em Ipatinga (MG), com ênfase nos leigos.

Fonte: www.pom.org.br

Deixe uma resposta

8 − três =