Fraternidade em Ação: Formação de agentes formadores de Cidadania

O 5º vídeo da série “Fraternidade em Ação” apresenta projeto de formação para a cidadania, em São Paulo (SP)

O quinto vídeo da série “Fraternidade em Ação” apresenta o projeto “Formação de agentes formadores de Cidadania”, desenvolvido pela Escola Nacional Paulo Freire nos bairros Jardim São Saverio e comunidade do Boqueirão na zona sul de São Paulo (SP), no regional Sul 1 da CNBB.

O coordenador da Escola Nacional Paulo Freire em São Paulo, Davi Martins, explica que o projeto atua com a formação de agentes populares de saúde, alimentação e educação e é parte fundamental das iniciativas de solidariedade, companheirismo e fraternidade que permitiu condições mais dignas para pessoas vulneráveis no período da pandemia da Covid-19 e da crise econômica.

“O projeto possibilitou condições para inúmeras famílias da comunidade e, ao mesmo tempo, permitiu também avançar na construção de um  protagonismo comunitário, vivo, participativo nas comunidades”, disse.

Para a Karen Eufrosino, da comunicação da região Ipiranga, do regional Sul 1, responsável pela produção do vídeo localmente, foi muito estimulante conhecer de perto a Escola Nacional Paulo Freire e sua estrutura. “O projeto contemplado pelo Fundo Nacional de Solidariedade foi importante para a sobrevivência de muitas famílias na pandemia, e de maior conscientização da importância da formação e atuação das lideranças comunitárias”, ressaltou.

Fraternidade em Ação

A cada 15 dias, a Pascom Brasil e o Setor de Campanhas da CNBB estão divulgando um projeto que foi apoiado com recursos arrecadados na Coleta Nacional da Solidariedade, realizada no âmbito da Campanha da Fraternidade 2022, cujo tema foi “Fraternidade e Educação”.

Em 2022, os eixos do edital do FNS foram: o eixo 1 “Apoio a projetos educativos”; em razão da pandemia, o eixo nº 2 foi “auxílio a situações de insegurança alimentar e vulnerabilidade social e o eixo 3 “capacitação para a geração de renda”.

A partir da lista de projetos aprovados pelo Conselho Gestor do FNS em 2022, a Pascom Brasil selecionou um projeto em cada regional que pudesse expressar a realidade e onde também fosse possível contar com o trabalho voluntário de equipe de Pascom com disponibilidade para produzir o material.

Conheça o projeto “Formação de agentes formadores de Cidadania”:

Deixe uma resposta

quinze + doze =