Encontro mundial dos Movimentos Sociais será concluído pelo Papa

Agência Fides

Já são 900 os participantes que confirmaram sua presença no Encontro mundial dos Movimentos Sociais, que se realizará em Santa Cruz, na Bolívia, de 7 a 9 de julho de 2015. A nota enviada a Fides por uma fonte local refere que o encontro será aberto pelo Card. Peter Turkson, Presidente do Pontifício Conselho da Justiça e da Paz, discastério que é um dos promotores da iniciativa.

Os representantes das numerosas agregações, não somente católicas, que compreendem as diversas realidades sociais, debaterão o tema "O futuro dos movimentos sociais a favor do meio ambiente". As conclusões serão entregues ao Santo Padre Francisco, que participará do encerramento do Encontro, pois se encontrará na Bolívia para uma visita pastoral de 8 a 10 de julho.

O grupo das delegações internacionais é numeroso, entre os quais se contam 250 delegados da Argentina, 250 do Brasil, 50 do Chile, 10 da Colômbia, 3 da Costa Rica, 2 do Haiti, 2 da República Dominicana, 40 do Equador, 1 de El Salvador, 4 da Índia, 2 da Itália, 2 do Quênia, 5 do México, 2 dos Estados Unidos.

Fonte: www.fides.org

Deixe uma resposta

dez − cinco =