Papa recebe Kofi Annan: colaboração e valores comuns

Francisco recebeu o ex-secretário-geral da ONU e outros membros da Organização Internacional "The Elders" (Os Anciãos).

Por Rádio Vaticano

O Papa Francisco recebeu na tarde de segunda-feira (06/11), na Casa Santa Marta, Kofi Annan, ex-Secretário-Geral da ONU de 1997 a 2006, juntamente com outros membros da Organização internacional “The Elders” (Os Anciãos).

Fundado por Nelson Mandela 10 anos atrás, o Grupo se empenha na promoção da paz e dos direitos humanos e é formado por líderes mundiais e ex-chefes de Estado. Na audiência com o Santo Padre, também estava presente a ex-presidente da República da Irlanda, Mary Robinson. Na sequência, os dois visitaram os estúdios da Rádio Vaticano e concederam uma entrevista à colega da seção inglesa Philippa Hitchen:

REUTERS2464798_Articolo“Creio que para nós tenha sido importante vir porque temos muitos valores em comum e queríamos encontrar o Papa e pensar com ele o modo para trabalharmos juntos, como podemos concentrar os nossos esforços sobre alguns pontos”, afirmou Kofi Annan, que prosseguiu comentando os temas abordados com Francisco:

“Falamos de refugiados e migrações, de armas nucleares, tema sobre o qual o Vaticano organizou um Vértice que terá início sexta-feira próxima; falamos da paz, da mediação nos conflitos”.

Já a ex-presidente irlandesa Mary Robinson expressou o seu apreço pelo papel que o Papa está desempenhando e pelo fato que está se empenhando “para ser voz dos sem voz, dos marginalizados, em enfrentar os aspectos mais difíceis dos conflitos”.

“Temos muitos âmbitos em comum – prosseguiu – e pudemos enfrentar alguns deles, entre os quais a Venezuela, no contexto latino-americano, o Congo e as mudanças climáticas das quais me ocupo em especial”.

Robinson disse ainda que afeto, calor e bom humor marcaram o encontro com o Papa: “Fiquei impressionada de como o Papa estava relaxado conosco, brincou como se fôssemos um grupo com o qual se sentia à vontade: justamente porque temos em comum valores, propósitos morais e problemas”.

Deixe uma resposta

vinte − seis =