Acordo pelos direitos das crianças e adolescentes

O acordo é voltado para gestores de políticas públicas, Conselhos Federais, Estaduais e Municipais, Fóruns, Organizações da sociedade civil e autoridades ligados ao trabalho da promoção, defesa e garantia dos direitos das crianças e adolescentes.

Por Patrícia Silva*

Foi assinado, na sede da CNBB, em Brasília (DF), na manhã de sexta-feira (16), por onze instituições, o Acordo Mesa pro Bice (Bureau International Catholique de l'Enfance - Oficina Internacional Católica da Infância). O Acordo firma entre as associadas cooperação pela dignidade e direitos das crianças e adolescentes.

001_cartaz_biceO Bice, da qual também faz parte a Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB), tem a missão de renovar, permanentemente, o serviço educativo, pastoral, promocional e de proteção, defesa e garantia dos direitos das crianças e adolescentes.

De acordo com o bispo de Ipameri (GO), dom Guilherme Antônio Werlang, presidente da Comissão,da Comissão Episcopal Pastoral para o Serviço da Caridade, da Justiça e da Paz da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), "somos entidades cristãs, comprometidas com as opções e atitudes de Jesus Cristo e por isso consideramos como primeiro direito: uma gestação protegida pelas leis; 2º Em nenhum país o ser humano pode se sobrepor a Deus. Jesus abraçava as crianças. Qual é o grande abraço que nossas organizações devem às crianças brasileiras? 3º Padre Zezinho há alguns anos, já cantava profeticamente "Menores abandonados". O atual sistema gera e abandona as crianças. Não as abraça com uma educação libertadora que dê a elas dignidade humana; 4º Educar e formar para a vida é muito mais que alfabetizar. É passar valores e torná-las protagonistas: 5º A CNBB se sente não somente convidada a ser parceira, mas comprometida até as últimas consequências com este Acordo de Cooperação pela Dignidade e Direitos das Crianças e Adolescentes brasileiros. A infância e adolescência são o canteiro do jardim de Deus".

Estiveram também presente no evento Olivier Duval, presidente da Bureau International Catholic de l´Enfance (Bice) e Edgar Genuíno Nicodem, presidente da Rede La Salle que representará a Mesa pro Bice Brasil.

Assinaram o acordo de Cooperação pela Dignidade e Direitos das Crianças e Adolescentes Brasileiros, membros da Mesa pro Bice: Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB); Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (Anec); Bureau International Catholique de l'Enfance (Bice); Cáritas Brasileira; Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB), Pastoral da Criança; Pastoral do Menor; Rede Jesuíta Brasil; Rede La Salle; Rede Salesiana do Brasil e a União Marista do Brasil.

O acordo com suas ações é voltado para gestores de políticas públicas, Conselhos Federais, Estaduais e Municipais, Fóruns, Organizações da sociedade civil e autoridades ligados ao trabalho da promoção, defesa e garantia dos direitos das crianças e adolescentes.

A Mesa pro Bice
As onze entidades que compõem a Mesa pro Bice Brasil formam uma rede nacional que visa reforçar ações para proteger os direitos das crianças. Ao assinar o Acordo de Cooperação pela Dignidade e Direitos das Crianças e Adolescentes Brasileiros, as organizações ratificam compromissos e a firme determinação de responder às demandas e desafios contemporâneos.

Bice

O Bureau International Catholique de l'Enfance (Oficina Internacional Católica da Infância) é uma rede católica internacional de organizações que se dedicam à promoção e proteção da dignidade e dos direitos das crianças e adolescentes. É uma organização sem fins lucrativos, age numa perspectiva cristã buscando desenvolvimento integral de todas as crianças. O Bice usa toda a sua força na promoção da dignidade das crianças e na garantia dos seus direitos, frequentemente violados. Seu ponto de partida é a Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos da Criança .

*Patricia Silva, fsp, é Assessora Executiva da CRB Nacional para a Comunicação.

Deixe uma resposta

dezesseis − 10 =