Faleceu Dom Sérgio Castriani, arcebispo emérito de Manaus

Missionário de corpo e alma! É dele a afirmação: aceito ser transferido para qualquer diocese, desde que seja na Amazônia. E na Amazônia permanecerei!

Por Vatican News

Faleceu às 19 horas desta quarta-feira, dia 3 de março, dom Sérgio Eduardo Castriani, arcebispo emérito de Manaus. Após ser internado com infecção urinária no dia 26 de fevereiro e posteriormente ser acometido de infarto na noite do dia 26 para 27, a infecção não cedeu, levando-o a óbito.

domsergiocastriani2Dom Sérgio nasceu em Regente Feijó, SP, aos 31 de maio de 1954. É filho de Aurélio Castriani (oficial de justiça) e de Anna de Mello Castriani (professora). Foi formado na Congregação do Espírito Santo, tendo feito seus primeiros votos religiosos no dia 2 de fevereiro de 1975 e ordenado padre em 9 de dezembro de 1978, na cidade de São Paulo, SP.

O papa João Paulo II o nomeou bispo coadjutor da Prelazia de Tefé em 1998. Em 2000 tornou-se bispo titular da Prelazia. Em maio de 2007, foi delegado pela CNBB, na V Conferência Geral do Episcopado Latino-americano e Caribenho, em Aparecida. Foi por oito anos Presidente da Comissão Episcopal para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB. Coordenou a Comissão do documento da CNBB: Comunidades de Comunidade: Uma nova Paróquia, a Conversão pastoral da Paróquia.

No dia 12 de dezembro de 2012 foi nomeado pelo papa Bento XVI como Arcebispo Metropolitano da arquidiocese de Manaus. Tomou posse no dia 23 de fevereiro de 2013, em uma missa celebrada na Igreja Matriz - Nossa Senhora da Conceição. Recebeu o pálio das mãos do Papa Francisco, na Basílica de São Pedro, em 29 de junho de 2013.

Em razão das limitações físicas causadas pelo Mal de Parkinson, teve seu pedido de renúncia aceito no dia 27 de novembro de 2019 e tornou-se arcebispo emérito da arquidiocese de Manaus. Missionário de corpo e alma! É dele a afirmação: aceito ser transferido para qualquer diocese, desde que seja na Amazônia. E na Amazônia permanecerei!

Fonte: Padre Modino

Deixe uma resposta

um × 2 =