Revista Missões
 

Congressista do Brasil vivencia problemas de família em Quito

19/08/2008 | Cecília Soares de Paiva, jornalista Oeste 1 CNBB

"Bienvenidos al Cam 3- Comla 8" foi a mensagem que permaneceu diante da Paróquia Nossa Senhora de Fátima de Andalucia ao receber parte da delegação do Brasil no Congresso em Quito, Equador, ocorrido de 12 a 17 de agosto de 2008.

Da recepção à despedida no aeroporto, tudo foi controlado com detalhes para que os delegados participassem da programação, conhecessem um pouco da cultura local e ainda se sentissem "tão bem instalados como em suas casas," disse Padre Ramiro Rodríguez, pároco e coordenador local para o Cam 3 - Comla 8 a todos os presentes no primeiro encontro entre os congressistas e as famílias equatorianas.

Entre as comissões organizadas para atender aos congressistas, a paróquia definiu responsáveis para as necessidades de segurança, saúde, acolhida, transporte, logística, liturgia, animação e hospedagem.

Uma das famílias de acolhida foi a de Glória Amparo, também responsável local pelo transporte dos brasileiros aos eventos. Seu hóspede foi o padre Crispim Guimarães dos Santos, sacerdote diocesano de Dourados-MS, que vivenciou uma forte emoção junto à família da paroquiana. "Fiz o batismo e também fui o padrinho de uma criança que nasceu com graves problemas de saúde," declara padre Crispim.

A criança, uma das netas de Gloria Amparo, nasceu com má-formação no esôfago e será tratada até criar condições para uma cirurgia de constituição de parte do aparelho digestivo.

Reunidos na Paróquia Nossa Senhora de Fátima de Andalucia, paroquianos e congressistas se postaram em oração pela criança e por toda sua família.

 

Fonte: Revista Missões

 

COMENTÁRIOS DOS LEITORES COMENTE TAMBÉM

  • Seja o primeiro a comentar esta notícia.
 
 
 
© 2000-2009 Revista Missões
Todas as marcas registradas pertencem aos seus respectivos donos.
Revista Missões no Flickr Revista Missões no Twitter Revista Missões no Facebook
 
MALAGUETA/BR