Aparecida é uma das luzes fortes que a Igreja pode oferecer

A Igreja não faz missão de vez em quando, mas ela é sempre missionária.

Por Redação

O cardeal dom Cláudio Hummes participou do quadro “O Brasil na Missão Continental” da Rádio Vaticano, na semana passada. Ele é o presidente da Comissão Episcopal para a Amazônia da CNBB e também presidente da Repam – Rede Eclesial Pan-Amazônica. Em sua fala recordou - no âmbito deste projeto de animação missionária proposto pela Conferência de Aparecida - que “a Igreja não faz missão de vez em quando, mas ela é sempre missionária”.

maxresdefaultProsseguindo suas considerações, na edição de hoje, dia 31 de julho, dom Cláudio afirmou que “Aparecida é uma das luzes fortes que a Igreja pode oferecer ao mundo”, não a única, mas uma das, observou.

Afirmou ainda que, no fundo, a grande reforma que o Papa Francisco gostaria de fazer, o grande horizonte que ele tem diante de si, é “fazer com que a Igreja seja totalmente missionária”.

“Por detrás disso está de fato uma grande convocação e encorajamento”, enfatizou o cardeal acrescentando que o Papa mesmo vai na frente, vai no meio e vai atrás. “Os pastores de vez em quando têm que estar lá atrás olhando para onde que o povo está indicando porque também o povo tem o Espírito Santo”, destaca Dom Cláudio recordando o Papa Francisco.

Com informações da Rádio Vaticano.

Deixe uma resposta

5 × dois =