Políticas Públicas para a Juventude foi tema de encontro na diocese de Jundiaí

Reinaldo Oliveira

O bispo Dom Vicente Costa e Agentes da Pastoral Fé e Política reuniram os políticos - prefeitos, vices, vereadores, secretários municipais e assessores políticos das 11 cidades da Diocese, para o 5º Encontro com os Políticos, cujo tema foi "Políticas Publicas para a Juventude". O encontro foi na Cúria Diocesana, no dia 20 de maio, e teve como objetivo dialogar e dar o apoio da Igreja aos homens e mulheres que foram eleitos para legislar e administrar as cidades.

Dom Vicente abriu o encontro destacando a importância dos gestores públicos pensarem, entre suas prioridades, em políticas públicas voltadas para a juventude: "Vocês são chamados para serem construtores da sociedade em que estão inseridos os jovens", disse.

Para a reflexão do tema, o professor e Doutor em Educação - José Renato Polli, apresentou uma palestra informando que hoje são 50 milhões de jovens entre 15 e 29 anos, com uma taxa de desemprego três vezes maior aos adultos e um absurdo crescimento de 346% no índice de violência, nos últimos anos, envolvendo os jovens.

Após a palestra foi franqueada a palavra aos presentes. o que enriqueceu o debate, com perguntas e respostas sobre o tema apresentado. Em seguida a coordenadora diocesana da Campanha da Fraternidade - Dolaine Coimbra, apresentou relatório das atividades desenvolvidas na CF da diocese, que neste ano tem como tema "Fraternidade e Juventude". Encerrando o encontro, Dom Vicente agradeceu a presença de todos e os informou que o 6º Encontro será no dia 28 de outubro.

COORDENADORIA DA JUVENTUDE

Na tarde do dia 20 de maio, o prefeito de Jundiaí - Pedro Bigardi, presente no 5º Encontro, anunciou a implantação da Coordenadoria da Juventude no município, a partir do mês de junho. Falando à imprensa, Bigardi destacou: "O evento da Diocese foi importante e vem de encontro aos objetivos da prefeitura em ampliar o atendimento e ouvir o jovem jundiaiense". Dentre as atividades da Coordenadoria estão a elaboração de diagnóstico e mapeamento das áreas de risco e vulnerabilidade a que os jovens estão expostos. 

Fonte: Reinaldo Oliveira / Revista Missões

Deixe uma resposta

doze − 7 =